Fundado em 1986

logo

Um jornal a serviço
da cidade de São Paulo
 
Acontecendo
Política
Esporte
Moda
Fale Conosco
Contato
Home
 
HC ganha 1º equipamento do país para
diagnóstico de esclerose múltipla por imagem
PET/RM integra, em um único aparelho, tomografia
por emissão de pósitrons e ressonância magnética
O Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP, em São Paulo, acaba de ganhar o primeiro equipamento do SUS (Sistema Único de Saúde) que integra, em um único aparelho, PET (tomografia por emissão de pósitrons) e ressonância magnética, representando um salto tecnológico no diagnóstico por imagem capaz de diagnosticar doenças como esclerose múltipla.
O PET/RM, adquirido por meio da Fundação Faculdade de Medicina por R$ 10 milhões, será utilizado tanto para pesquisas quanto para o diagnóstico de pacientes com doenças como câncer, doenças cerebrais degenerativas, dentre outras enfermidades.
Com a novidade, o HC realizará pesquisas capazes de chegar ao desenvolvimento de novas alternativas de tratamento e potencialmente de controle do tratamento de uma gama ampla de doenças neurodegenerativas. 
Isso representará um ganho tanto na precisão do diagnóstico como na rápida definição do tratamento, além da conveniência da verificação simultânea da ressonância e PET em um único exame para o paciente.
 
 
Sanofi Pasteur submete nova vacina contra gripe
exclusiva para idosos para aprovação da ANVISA
Imunizante com maior quantidade de antígenos aumenta a
proteção contra influenzaem  pessoas a partir de 65 anos

A Sanofi Pasteur acaba de submeter uma solicitação de registro à ANVISA de uma nova vacina contra gripe desenvolvida exclusivamente para idosos. A vacina apresentou-se 24,2% mais eficaz na proteção contra a gripe em comparação à vacina contra influenza trivalente aprovada atualmente no Brasil, e reduziu 39,8% das pneumonias nesta população.1,2

A vacina foi lançada nos Estados Unidos em 2010, e desde então, mais de 67 milhões de idosos já foram protegidos com este novo produto. “O Brasil tem uma população idosa crescente que precisa se proteger contra a gripe e muitos serão beneficiados com a chegada desta vacina inovadora”, pontua Hubert Guarino, diretor geral da Sanofi Pasteur.

Com o envelhecimento, foi descoberto que ocorre um declínio da função imunológica, o que significa que a resposta de anticorpos após o recebimento da vacina tradicional contra a gripe não é tão alta quanto costumava ser.² A nova vacina foi desenvolvidada e produzida para pessoas a partir de 65 anos e ajuda a promover uma resposta imune mais efetiva do que a vacina contra influenza trivalente disponível hoje no mercado. A sua eficácia, quando comparada à vacina trivalente atualmente disponível, demonstrou superioridade de 36,4% em temporada com alta circulação do vírus H3N2, o tipo de influenza com maior prevalência no ano estudado. ¹

A vacina protege contra os vírus Influenza A H1N1, Influenza A H3N2, e um tipo de Influenza B, de acordo com a recomendação anual da Organização Mundial da Saúde (OMS).

 
 
supervisao
preferencial
 
Jornal Notícias SP; Um veículo de comunicação a serviço da Cidade de São Paulo